Páginas

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Tipos de Tensoativos


As principais categorias dos tensoativos são:

- Aniônicos 
Possuem cargas negativas e constituem a maior classe de tensoativos e são os mais comuns. Um desses tensoativos é o lauril sulfato de sódio, provavelmente o surfactante mais usado nas indústrias cosméticas, por ser um eficiente detergente com alto poder de espuma ao mesmo tempo que é uma matéria-prima relativamente barata. 
Em concentrações elevadas pode desencadear irritação no couro cabeludo e na pele.

- Catiônicos 
Possuem cargas positivas e reduzem a tensão superficial da água, ou ainda a tensão entre dois líquidos que não se misturam, como água e óleo. Promovem o emulsionamento desses líquidos, que são usados em máscaras e cremes condicionadores para cabelos. Entre os agentes catiõnicos mais utilizados no mercado estão o Cloreto de Cetrimônio, o Cloreto de Behentrimônio, o Metosulfato de Behetrimônio.

- Não-Iônicos 
Não possuem carga ionizável. Além de possuir características compatíveis com a maioria das matérias-primas, possuem baixa irritabilidade (podem ser muito suaves), alto poder de redução da tensão superficial e interfacial (solubilização), mas apresentam pouca capacidade de detergência e espumação. 

- Anfóteros 
Podem ter cargas positivas ou negativas, como podem não ter carga ionizável e pela definição, anfóteros são zwiteriônicos, ou seja, podem ser protonados, adquirindo carga positiva em meio ácido e, em meio alcalino perdem próton apresentando carga negativa. Eles também possuem função detergente, sendo menos irritantes que outras classes de tensoativos. São comumente usados como detergentes primários em formulações suaves.


Nenhum comentário :